MÚsica Gospel

POR ELVIS TAVARES
elvistavares@efratamusic.com.br
Imprimir esta matéria Enviar para um amigo Ver todas as matérias

O gospel não é mais o mesmo?

Publicado em 12-03-2014

Tags: história da música gospel  

Feliciano Amaral na capa do LP Sou de Jesus, dos anos 70: na época, o cantor não aceitava bateria em seus discos

A música gospel brasileira, por alguns anos, esteve aquém daquilo que se praticava nos estúdios de gravação de música popular, onde a criatividade dos arranjadores e dos instrumentistas acompanhava, em muito, o que se praticava principalmente nos Estados Unidos da América.

Parecia que as produções em disco do segmento cristão estavam sempre um passo atrás tanto da tecnologia quanto da performance dos músicos seculares, pois, enquanto nas décadas de 40, 50, 60 e 70 a maioria das produções evangélicas recusava-se a ter a bateria em suas gravações em vinil, o pop music esmerava-se em descobrir o que de melhor se praticava nos estúdios mundo afora.

O grande pioneiro Feliciano Amaral, por exemplo, somente aceitou usar a bateria nos anos 80, fato que se repetiu também com o Grupo Prisma, que regravou seus sucessos na década de 90 para a inclusão da percussão antes tão discriminada.

Interessante é que o público consumidor cristão sequer admitia que músicos não evangélicos atuassem nas gravações executando seus instrumentos.

LP Sou feliz: o primeiro de Feliciano Amaral com bateria

Mal sabia a comunidade evangélica que escasseava no mercado cristão profissionais da música que fossem ligados à igreja protestante e que, simultaneamente, trabalhassem em produções fonográficas, sendo necessário mesmo lançar mão de músicos tidos como "mundanos".

O gospel, de fato, mudou. A começar pelo termo "música evangélica", cuja rotulação estrangeirou-se para gospel music.

Certo é que alguns veem um sentido positivo na evolução da música evangélica brasileira, enquanto outros parecem demonstrar profundo descontentamento, por acharem que "involução" é a palavra mais adequada para o que se vê (e ouve) no gospel de hoje.

De qualquer forma, a expectativa é de que você - seguindo conselho sapiente do Apóstolo Paulo - retenha somente as coisas boas.

Elvis Tavares é advogado, pós-graduado em Propriedade Intelectual pela PUC/RJ, cantor, compositor, produtor, escritor, radialista e manager da Efrata Music

Comentários

Copyright Efrata Music Editora. Desenvolvido por Universo Produções.

Visite o canal da Efrata Music no YouTube e assista a vídeos exclusivos.